EM: 15 junho 2011

Eu fico pensando,

se alguém me ama em segredo. Se alguém chora quando lembra de mim. Se alguém sente borboletas no estômago quando chega perto. Se quando põem a cabeça no travesseiro lembra do meu sorriso, meu cheiro, meu jeito. Se alguém liga o rádio, escuta uma musica e vem meu nome em sua cabeça. Se um dia eu descobrir talvez eu morra com a consciência pesada. Eu sei como é sofrer de amor por um individuo que nunca pensou em você.

2 comentários:

Maria Beatriz de Castro disse...

Nossa... nunca tinha pensado nisso. Concordo muito! Beijão querida, estou seguindo!

http://biacentrismo.blogspot.com

Bloguista disse...

adorei :)

Postar um comentário